sábado, 6 de maio de 2017

Minha alma morena

Minha alma morena



Você trabalha em teu escritório com vista para a grande Curitiba que tem ar condicionado e aquecedor, tem um metro e noventa de altura, é louro e tem olhos azuis, tem um vasto e privilegiado currículo de cursos que você fez e que adorou e ganha seus trinta mil por mês líquido e além do mais  chega em casa ergue os pés para cima no teu confortável sofá porque tem uma empregada subserviente que você manda e desmanda a teu bel prazer e quer acabar com os projetos sociais de antigas conquistas, como a bolsa família que combate a fome de pessoas que realmente sofrem fome porque não existe emprego para todo mundo, por favor, vá a um confessionário que você está cometendo pecados. Autor Reginaldo Afonso Bobato