sexta-feira, 12 de maio de 2017

Em nome da honra

Em nome da honra


Meu nome não some é função majoritária de criar e escrever como se já estivesse sido escrito antes do mundo ser inventado, e assim seja, oração na peleja, destra condição de ser e estar são somente nos condicionar.
Meu nome não some nesta angústia que quase me consome.
 Meu nome não somente onde vá meu corpo, onde ele estiver lá eu já estive, e a essência do ser e estar se completa.

Meu nome não some, nem na morte e na dura sorte, poesias chamam por ele e que seja assim quantos améns, meu nome não some numa franca averiguação de seu âmago, clama pela existência compadecida, e eloqüência enobrecida,  e pra sempre meu nome não some.  Autor Reginaldo Afonso Bobato