domingo, 12 de fevereiro de 2017

Antes de tudo, a filosofia, depois de tudo, a filosofia.

Antes de tudo, a filosofia, depois de tudo, a filosofia.

Mais de  trezentas ciências, quando você iria saber que a filosofia  deve estar entre  meios para se fazer uma  boa escolha?
A filosofia não somente manterá a conquista da formação, mas a formação da conquista e para não variar o objeto de se resguardar a intimidade, o zelo psicossocial, a moral e a ética, com extremo rigor de princípios filosóficos para vir a sabe que nada é guardado em segredo quando há dolo, erro, pecado ou crime, mesmo que seja recíproco, como sexo anal, oral, sexo com a utilização de palavras de baixo escalão, traição matrimonial, luxúria, prostituição, atos libidinosos, atentados contra a honra e a dignidade, atos perversos, lascivos e libidinosos como encher as mãos nas genitálias, conversações rudes como o artifício de utilização de nomes feios, o coito sexual, o  coito anal, o coito oral, s liberação sexual com medo do homossexualismo ou homofobia.
Estas premissas poupam o ser humano da inveja e da cobiça, pois os fatos supracitados são resultantes destes dois sentimentos vis em razão da psicossomática psicológica que é uma soma de informações doentes com razão de vinganças sutis e imperceptíveis, é preciso ter ciência destas vinganças e procurar se lembrar do passado para não voltar a infringir, pois os passado age em nós instintivamente, quase nada é esquecido quando há concepção, prova disso se você ser um livro com atenção e voltar a lê-lo trinta anos depois terá certeza que já o leu, sem precisa decorá-lo, nossas recordações são parecidas e todos temos momentos que são marcados, sejam de felicidade ou traumáticos. Autor Reginaldo Afonso Bobato