quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

O curso é um urso

O Curso é um urso


Siga o curso do rio e não fique louco ao querer saber tudo, e por vezes o barco estaciona (esta é o cio e é a  Ana) às margens, se atenha a ela e não adentre à mata então, e tenha certeza o que você encontraria nela (cobras –verbo, rato-fatos-gatos, insetos, e uma beleza analógica bela e perigosa, descanse e volte ao curso, se encante com o curso que o rio vai descrevendo, leia as certas náuticas (anal é uma tica?) e lá na frente, bem na frente gargantas profundas, quedas d’água, pedras desviadas, cachoeiras, olhos d’água, vertentes e até o nome deste rio que você cursou é notório, distinto e nobre, divino mestre.
) e lá na frente, bem na frente gargantas profundas, quedas d’água, pedras desviada, cachoeiras, olhos d’água, vertentes e até o nome deste rio que você cursou é notório, distinto e nobre, divino mestre.Autor-decifrador Reginaldo Afonso Bobato